terça-feira, setembro 27

"E voltaram por outro caminho"

A pessoa que escolhe, geralmente joga pelo seguro. Escolhe o que conhece ou aquilo que é certo, claro e experimentável.
A pessoa que se deixa fascinar, geralmente opta pelo desconhecido, pelos ideais, pela novidade, pelo sonho.
Hoje, passados que vão vários dias do final das Jornadas Mundiais da Juventude, ocorre-me pensar nos milhares de jovens presentes no Marienfield, nos 74 que partiram desta diocese á beira serra, e pergunto-me quantos terão regressado por outro caminho, como os magos, quantos terão optado pela novidade do Evangelho, quantos encontraram em Colónia a força para ser cristão alegre, maduro e comprometido.
Penso assim, e não o faço como se desanimasse ou estivesse saudoso. Faço-o com a esperança de que algo vai mudar. Mas algo vai mudar. Nem que seja apenas num punhado de jovens. Nem que seja apenas num jovem.
E tudo isto dá novo ânimo para um início de ano pastoral prometedor... Bem... quer-se dizer: promessas, não fazemos, que não somos políticos propriamente ditos! Mas que vem aí muita novidade, vem! Está atento, porque quando menos pensares, estamos dentro do teu mundo...
Pe. Jorge Castela

1 comentário:

Luis Silva disse...

de Celorico aqui tão perto de Seia. Um abraço para vocês.